A história da Nivea e seu creme que completa 100 anos

É impossível olhar para a latinha azul sem fazer uma viagem no tempo. A embalagem, inconfundível, é sempre associada a uma lembrança da infância. Poucas marcas conseguiram atravessar gerações com um ícone no mercado de beleza.

A Nivea, marca da Beiersdorf, que figura entre as gigantes da área, é uma delas. Tradicionalíssimo, o creme é considerado o primeiro hidratante do mundo e mantém a mesma fórmula desde o seu lançamento, em 1911.

O desenvolvimento do produto começou mais de 20 anos antes, em 1890, na Alemanha, quando o farmacêutico Oscar Troplowitz, proprietário da Beiersdorf, e o dermatologista Paul Gerson Unna criaram o primeiro creme estável baseado em uma mistura até então impossível – água e óleo.

O pulo do gato da descoberta? O emulsificador Eucerit, desenvolvido pelo químico Isaac Lifschütz. O objetivo inicial era, na verdade, produzir um medicamento, mas Troplowitz notou que a composição servia como a base perfeita para um creme cosmético. A fórmula proporcionava benefícios até então não priorizados – oferecia proteção contra as agressões externas, como vento, frio e sol, e deixava a pele macia e hidratada.

Fórmula descoberta, composição feita, faltava batizar a novidade. Inspirados pela cor branca do creme, criaram o nome Nivea, derivado da palavra nivis, “neve”, em latim. Nascia assim, oficialmente, o creme Nivea, embalado em uma latinha amarela com desenhos verdes, bem ao estilo da época, o art nouveau. A embalagem que fez história, entretanto, surgiu em 1925, quando Juan Gregorio Clausen, chefe de propaganda da Beiersdorf, optou pelas cores azul e branca, que representavam responsabilidade, confiança e pureza.

O logotipo também foi inspirado em um movimento que capturava o espírito do início daquele século, o Bauhaus. Revolucionário, o produto não demorou a fazer sucesso. Apenas três anos após seu lançamento, já estava disponível em 34 países, espalhados pelos cinco continentes, incluindo o Brasil. Mas nem só do potinho milagroso vivia a Nivea. Rapidamente a empresa fez crescer seu portfólio e a marca expandiu seus negócios, lançando talcos, sabonetes e produtos para os cabelos. O próprio creme teve seu upgrade em 1963, quando ganhou a versão Milk, mais leve e fácil de aplicar. A nova fórmula, lançada em plena revolução feminina, com o furor causado pela minissaia, ganhou as pernas das mulheres.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os anúncios e as embalagens vintage da marca fizeram história.
Os fundadores da esq. para dir. Paul Gerson Unna, Oscar Troplowitz e Isaac Lifschütz.
DIVULGAÇÃO

Um lugar ao sol

Quando o público feminino deixou de lado o espartilho e estendeu o corpo ao sol, em meados da década de 1930, a empresa rapidamente percebeu que ali havia um novo filão. Com base em pesquisas sobre os efeitos dos raios solares, os laboratórios da marca desenvolveram os primeiros produtos: Nivea Nut Oil e Ultra Oil.

Passada a Segunda Guerra Mundial, surge a versão em spray – superinovadora para a época, conquistou os mais abastados, que passavam os feriados na costa sudeste da Europa. Os protetores com FPS só vieram em 1975, época em que os trajes de banho diminuíram e o apelo sexy aumentou.

O topless e a alta exposição ao sol contribuíram para que a empresa investisse em novas tecnologias e olhasse com mais atenção para esse público, que não contava com muitas opções para proteger corretamente a pele.

Presente em 150 países, no Brasil a marca podia ser encontrada pelos idos de 1914, mas foi só em 1975 que montou o primeiro escritório em São Paulo. Nos anos seguintes, trouxe suas linhas de higiene pessoal, tratamento da pele, produtos para homens e protetores solares. O resultado dessa expansão foi a liderança no varejo nas categorias hidratantes corporais – comprovando a preocupação da brasileira em cuidar do corpo – e cuidados masculinos pós-barba. Prova de que a centenária senhora do universo da beauté não sente o peso da idade.

Fonte: ModaSpot.com; Imagens:DIVULGAÇÃO

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s